Sempre firma parceria com FGV para fortalecer gestão do SUAS em Salvador

A Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre) firmou nesta quarta-feira (6) parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) para fortalecer a gestão de assistência social na capital baiana, bem como planejar estratégias de políticas públicas do SUAS (Sistema Único de Assistência Social). A equipe da FGV, renomada instituição especializada em gestão pública, fará um serviço de consultoria à Sempre, baseado em um planejamento com duração de 7 meses.

A secretária da Sempre, Ana Paula Matos, reiterou que a consultoria da FVG à Sempre deixará um legado para Salvador no âmbito das políticas em assistência social. “A ideia com essa parceria é que a Fundação Getúlio Vargas dê suporte necessário para o aprimoramento da gestão do SUAS e com isso a gente consiga melhorar ainda mais os nossos serviços e proporcionar mais qualidade de vida à população em situação de rua, que é o nosso público alvo. Temos uma cidade com necessidade histórica de reparação e já avançamos muito nesse período de gestão liderado pelo prefeito ACM Neto, por isso, estamos investindo ainda mais na qualificação para deixarmos um legado importante para a secretaria e para a cidade de Salvador”, pontuou.

Ainda de acordo com a titular da Sempre, também está entre os objetivos do projeto, reforçar o Salvador Social e criar um Cras (Centro de Referência da Assistência Social) modelo. O projeto final tem previsão para ser entregue em julho de 2020. 

Já o subsecretário da Sempre, Décio Martins, destacou que a parceria visa também propor um novo desenho organizacional da SEMPRE, além de capacitação dos servidores. “A ação junto à Fundação Getúlio Vargas deixará um legado à assistência social de Salvador, na medida em que a instituição realizará um profundo diagnóstico da secretaria a fim de elaborar um Manual de Gestão do SUAS, proposta de novo desenho organizacional da SEMPRE, além de capacitação dos servidores”, afirmou.

Com vasta experiência em assistência social a nível nacional, Laís de Figueiredo, coordenadora do projeto na FGV, falou sobre o desafio do projeto. “A gente tem o desafio de implementar as políticas de assistência social em parceria com as organizações da sociedade civil sobre a nova lei 3019 de 2014. Trabalhei na elaboração em nível nacional e a gente aqui vai implementar a lei na Sempre. Isso passa por um processo de diagnóstico dos gargalhos para proposições de soluções conjuntas que possam melhorar a gestão da secretaria”, explicou. A lei versa sobre as parcerias entre estados e organizações civis e regulamenta o repasse de recursos públicos para as organizações e entidades.

Estiveram presentes ainda na reunião, além da secretária Ana Paula Matos e o subsecretário da Sempre, Décio Martins, diretores da pasta e técnicos da Fundação Getúlio Vargas.

<< Voltar